Duarte Lima: meu Grande Pequeno Herói

Duarte Lima

Enquanto o mundo inteiro aguarda pela estreia da nova temporada de GOT, tu revelaste-te um verdadeiro GOD ao anunciar que queres ir ao Brasil ser julgado e limpar a tua honra. És nobre e inspirador.

 Só um verdadeiro “toino” não acredita na tua inocência. Mas como diz aquele anúncio “eu é que não sou parvo”. Ou se preferires, como dizem os brasileiros, “estou contigo e não abro”

Lembro-me como se fosse hoje quando inventaram a primeira calúnia contra ti… Indiferentes ao sofrimento de um ser-humano que padece de Perturbação Obsessivo-Compulsiva, acusaram-te de “lavagem de dinheiro”. Nessa altura foi fácil explicares a um qualquer anónimo oficial de justiça, que se não lavasses as notas em que tocavas, tinhas ataques de pânico e ansiedade. Desse modo, o caso nem chegou a julgamento e fez-se justiça.

Mas os tempos mudaram e a calúnia que inventaram contra ti no “Caso BPN”, está a “dar-te água pela barba”. Então não é que a juíza de Primeira Instância teve o desplante de te acusar de “branqueamento de capitais”? Então ela não tinha obrigação de saber que um paciente que sofre de Perturbação Obsessivo-Compulsiva como tu, com o avançar da idade, tende a branquear todo o seu dinheiro, como única forma de lhe conseguir tocar. Obviamente que no Tribunal da Relação o bom senso vai imperar e verás a tua inocência reconhecida, mas entretanto a tua vida tem sido um inferno.

Mas tu que ainda não te livraste dessa, já te queres meter noutra. Não tens que provar nada a ninguém, muito menos no país das telenovelas. Deixa-os para lá com o samba-enredo deles, que aqui em Portugal ninguém tem dúvida da tua inocência no caso do homicídio da Dona Rosalina.

“Furioso” como és com as limpezas, todos sabemos que jamais sujarias as tuas mãos dessa forma…

Deixe a sua contra-alegação...

Instagram