PS, PSD e CDS criam JORNALÍDOLOS 2015

Várias Imagens de Jornalistas em cenário Ídolos

A notícia apanhou os meios de comunicação social desprevenidos e as reações não se fizeram esperar, “Arco da governação quer exame prévio da cobertura jornalística de eleições”, mas estavam tão enganados.

Como é do conhecimento geral, PS e PSD só se entendem quando estão em causa os mais altos interesses da nação (ou do seus governantes), como foi o caso em novembro último, quando pretendiam levar a cabo a reposição dos cortes das subvenções a políticos.

Desta vez para terem a certeza que conseguem cumprir a sua missão, juntou-se também a eles o PP. Que grande lição de democracia deram ao país… Aquilo que numa primeira análise parecia ser pura censura, afinal era o lançamento da primeira edição dos Ídolos para jornalistas.

É público e notório que a profissão de jornalista tem vindo a perder prestígio nos últimos anos, com a proliferação de comentadores políticos, em representação das sete cores do arco-íris. Como uma praga, estes relegam para segundíssimo plano o papel do jornalismo sério e profissional.

Com o arranque do JORNALÍDOLOS 2015, finalmente a tendência atual será travada e mesmo revertida, devolvendo aos jornalistas o prestígio de outrora. Estes voltarão a ter novamente nas suas mãos as rédeas de uma imprensa livre e plural, rumo a uma democracia moderna e representativa das várias correntes de opinião da sociedade civil.

O bom gosto de avançar com tudo isto, no momento em que nos preparamos para comemorar o 25 de Abril, só vem reforçar a nobreza e o sentido de estado, destas três forças políticas.

O que seria de nós sem eles. Um grande bem hajam!

1 contra-alegação:

Instagram