Marco António Costa: O que se passa com a “Amizade”?

Marco António Costa

Meu querido Marco ao ver o anúncio da Super Bock lembrei-me de ti: “entre um não posso e outro, os grandes amigos vão se tornando estranhos. O que é estranho!”. Estou preocupado com o que se diz por aí.

Que se passou entre ti e o teu grande amigo Paulo Vieira da Silva?

Não acredito que seja algo tão grave que uma Super Bock fresquinha, saboreada no Cais de Gaia, não resolva…

Liga-lhe já! “Se estiveres de pijama veste umas calças por cima, marca encontro no sítio do costume e façam o que sempre fizeram… nada!”. Mas não lhe mandes SMS´s, que a malta pode-se melindrar.

Se ainda não viste o anúncio da cerveja, faz já isso, porque os tipos têm razão… “não precisamos de mil amigos, precisamos de bons amigos. Muito mais do que imaginamos!”. Não estás de acordo com eles?

Aproveita e fica atento à maneira como ele acaba: “se a vida conspira contra a amizade, conspiremos juntos para a defender”. Já sabes desde que seja em nome da “amizade” vale tudo…

Alegadamente o país precisa de ti, agora exactamente para quê… não sei!

Deixe a sua contra-alegação...

Instagram