As lições a aprender com a justiça Angolana!

Imagens de Luaty Beirão José Sócrates – Inocente Preso Vs Preso à Inocência

Alegadamente, há algumas lições bem úteis que Portugal pode aprender com Justiça Angolana. Surpreendido? Se é verdade que acabaram de condenar um verdadeiro inocente, não é menos verdade que, ainda assim, temos muito a aprender com eles...

Senão vejamos:
  • Eficácia: digam o que disserem a justiça em angola funciona, os casos não prescrevem, nem são arquivados devido a “erros” processuais. Por cá, infelizmente, isso é o “pão nosso de cada dia”
  • Rapidez: a justiça angolana pode ser patética mas é célere. Já a nossa justiça não é menos patética e ainda por cima é lenta, muito lenta ou lentíssima. Isto obviamente, sempre que envolve poderosos…
  • Mão pesada: a nossa justiça pode e deve ainda inspirar-se na mão pesada que a justiça angolana tem, mas evidentemente, aplicá-la sobre os poderosos que são dados como culpados.
É ou não é verdade que a nossa justiça ficaria “Salomónica”, se fossemos capazes de aprender estas duras lições.

Alegadamente, o Luaty Beirão merecia ser julgado em Portugal e o Sócrates merecia ser julgado em Angola, só assim se faria justiça.

Se acha que há mais algum dos nossos poderosos que devia ser julgado em Angola, contra-alegue.

Deixe a sua contra-alegação...

Instagram